Please Wait...

Programas de monitoramento

O monitoramento das espécies de mamíferos terrestres é um elemento fundamental para a gestão do meio natural. Há anos a SECEM tem organizado diferentes sondagens e utilizado várias metodologias não invasivas para o estudo de algumas espécies. Algumas delas agora fazem parte de um programa de monitoramento mais amplo, fruto do projeto MOMAT, que as engloba com o objetivo de contribuir para o estabelecimento de medidas de gestão adequadas, que permitam proteger e favorecer a biodiversidade na nossa área de atuação.

  • Sabe-se que o atropelamento de animais selvagens é uma grande ameaça à conservação das populações. No entanto, há pouca informação verificada sobre o impacto gerado pelo tráfego rodoviário e o que se sabe está disperso em diferentes fontes.
  • Os pequenos mamíferos desempenham um papel importante nos ecossistemas e, devido à sua rápida reação às alterações ambientais, são excelentes indicadores dessas alterações. O SEMICE é um projeto de monitorização de micromamíferos...
  • A situação preocupante da lontra no final da década de 1970, tanto em Espanha como no resto da Europa, teve uma influência decisiva na organização de diferentes estudos à escala nacional. Era urgente conhecer a distribuição da espécie nessa altura, em que locais permanecia a lontra e acompanhar a sua evolução...
  • A Rata-de-água é um dos roedores mais conhecidos em Espanha. Apesar do seu nome comum, que o aproxima das ratazanas e dos ratos, trata-se, na realidade, de um rato aquático. Apesar de não possuir membranas e outros atributos aquáticos, a Rata-de-água é capaz de nadar e mergulhar com facilidade. Até há relativamente pouco tempo, não se conhecia o estado das suas populações em toda a sua área de distribuição, embora...